Loading...

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Acampamentos e retiros de carnaval em Manaus

Atualizando ....

Em janeiro e fevereiro os acampamentos e retiros que sei que vão acontecer em Manaus são esses. =)



Acampamento Carna Cristo

de 17 a 21 de Fevereiro








INSCRIÇÕES PARA O III ACAMPAMENTO CONEXÃO JOVEM
... De Segunda a Sexta
LOCAL: Anexo da Igreja Nossa Senhora de L
ourdes
HORA: 17 as 19

Sábado
LOCAL: Cenosel (Centro Catequético da Paróquia N. Sra. de Lourdes)
OBS: Local onde ocorre o Ministério Jovem.
HORA: 17 as 20

Domingo
LOCAL: Anexo da Igreja Nossa Senhora de Lourdes
HORA: 15 as 19

Outras Informações:
Valor: R$ 50,00
Dias do Evento: 26 a 29 de Janeiro
OBS: Se for menor de idade levar responsável.
Ministério Jovem Nossa Senhora de Lourdes - Parque 10

********



CARNAVAL DIFERENTE 2012. ( Acampamento de Carnaval)

Data de Inscrições, 10 de Janeiro de 2012 ate o dia 31 - Valor R$ 40,00
Data de Inscrições, 01 de Fevereiro de 2012 ate o dia 10 - Valor R$ 50,00

Grupo de Oração Jovem Filhos do Trovão - Parque das Laranjeiras


************
Acampamento Desafiando - dos Jovens Seguidores de Cristo

24,25 e 26 de fevereiro Acampamento de carnaval (2012)

Info:93488544 e 99096878




Cura para o Amor

Retiro de Carnaval da Comunidade Shalom de Manaus

De 18/02/2012 a 21/02/2012

Informações: 92239083 ( Lurdes) / 81477535 (Bianca) / 32321776 ( Dira)

Músicas católicas ( Catholic Music )

Músicas católicas que eu gosto ( algumas) -Catholic Music or Catholic songs ( brazilian)
Música tema do Congresso Nacional da Renovação Carismática 2009

Jesus é o Senhor - Eterna Aliança



Quem é esse DEus Missionário Shalom



E pensar que eu não sabia - Missionário Shalom



Quem espera em ti - Missionário Shalom



Sou Estrangeiro aqui - Missionário Shalom


Conto Contigo - Missionário shalom



Malas Prontas - Missionário Shalom



Estrangeiro aqui - Missionário Shalom



Lançarei minhas Redes



Viver para mim é Cristo - Pe Fábio de Melo



Eu espero por você - Padre Fábio



Não desista do Amor - Padre Fábio



Tudo Posso - Celina Borges ( quem não gosta dessa??? )



Anjo Guardião - Banda Canal da Graça



Santo Espírito - Adrielle Lopes





Resgate - Adrielle Lopes e Dalvimar Gallo



Tentei Fugir - Adrielle Lopes



Sol da Meia Noite - Rosa de Saron



Sem você - Rosa de Saron



Anjos das Ruas - Rosa de Saron



Rara Calma - Rosa de Saron



Barco a Vela - Eliana Ribeiro



Vem Espírito Santo - Eliana Ribeiro



DEus Imenso - Vida Reluz



Diante do Rei - Vida Reluz



Acreditar no Amor - Vida reluz



Passarinho - Kelly Patrícia



Regaço Acolhedor - Kelly Patrícia



Salmo 140 - Suely Façanha



Bem Mais - Suely Façanha



Ao Partir o Pão - Walmir Alencar



Juventude Fiel - Nilton Jr



Coração de Mãe - Nilton Junior





Ai são várias as múscas que gosto, seria impossível colocar todas aqui ..............

=)



International catholic music - Catholic Charismatic Renewal - Brazilian catholic music

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Deputado Jean Wyllys fica bravo com discurso do Papa Bento XVI





Agora o bicho pega!

Fonte: blogonicus.blogspot.com

Concordo em gênero, número e grau.

Eu defendo a família!!!!!!!!!! Tenhos amigos homessexuais , os respeito, tenho grande carinho por eles, pessoas muito queridas mesmo, mas nunca vou deixar de dizer que Família mesmo é Pai + Mãe + filhos.... ( tem que ter pai e mãe).

O o casamento civil igualitário é uma ameaça à humanidade simmmmmmmmm.

E Reitero continuo não aceitando kit gays nas escolas!!!!!

Tempos difíceis temos vivido, agora só posso dizer o combate mais efetivo a isso tudo é nós povo CATÓLICO, povo do Senhor Jesus batalharmos sim de joelhos no chão + jejum e oração + as ações propriamente ditas que estiverem ao nosso alcançe. Mais do que nunca faz-se necessário que nos tornemos vigilantes que as vigília virando as madrugadas aconteçam pela intercessão do povo, pela a nossa própria, pelos sacerdotes, pelos consagrados, pela santa igreja, pelo Papa, pelos que estão longe de Deus, pelos os que o perseguem, pelos que vivem na cegueira espiritual, por todos os homessexuais, prq não serei eu e você a convencê-los da verdade, mas mais efetivamente o faz o próprio Espírito Santo de Deus, se clamarmos, se orarmos ele mesmo virá em nosso auxílio e será o que vai iluminar as mentes obscuras com relação ao que quer que seja. Só ele , o Espírito Santo, iluminará e convencerá a com a verdade.
Precisamos batalhar.... inclusive pelas festas que acontecem, pelos carnavais a fora, pelos reveillons a fora em que ocorrem ínumeras consagrações demoníacas, pelas praias nessas épocas que se fazem as mais variadas consagrações. É preciso combater de frente mesmo, enquanto uma festa tá acontecendo, uma festa de prostituição, no mesmo horário no mesmo dias grupos e mais grupos reunidos em oração nas suas paróquias, casas em oração por todas as pessoas que lá estarão. Sinto falta desses combates...... que não tem acontecido no carnaval rj, salvador, paradas gays.

A oração precisa prevalecer e inclusive resgatarmos os nossos que frequentam tais eventos.

Joelho no chão, jejum e oração ( e terço também) é o que precisamos para vencermos todas as batalhas ( que é o convencimento dos corações, as conversões, o arrependimento...)

Casamento gay: Jean Wyllys associa Bento XVI ao nazismo e o chama de genocida

Um dos principais defensores da causa LGBT na Câmara, o deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) não gostou das declarações do Papa Bento XVI. O pontífice da Igreja Católica disse que o casamento gay é uma ameaça e coloca em xeque "o próprio futuro da humanidade".

Nazismo e pedofilia

Indignado, Wyllys abriu fogo contra Bento XVI e relembrou as máculas do pontífice. "O papa suspeito e acusado de ser simpático ao nazismo disse que o casamento civil igualitário é uma ameaça à humanidade. Ameaça ao futuro da humanidade são o fascismo, as guerras religiosas, a pedofilia e os abusos sexuais praticados por membros da Igreja e acobertados por ele mesmo", atacou o parlamentar.

Genocida

O deputado foi ainda mais longe e chegou a classificar Bento XVI como "genocida em potencial". "Espero que os estados laicos do Ocidente não cedam à pressão desse genocida em potencial"

Fonte: Jornal do Brasil.

***

Ui! Parece que o deputado - que é simpatizante de Che Guevara, esse sim um criminoso de fato - subiu nas tamancas.
Nobre deputado, precisamos ser mais tolerantes com a opinião alheia! Precisamos parar de viver nesse mundo medieval onde a ideia de alguns poucos - os homossexuais não correspondem nem a 10% da população brasileira - é imposta tiranicamente sobre toda uma sociedade. Precisamos superar essa mentalidade oligárquica da opinião. Democracia, deputado!
E não falte com a verdade, por favor! Diga, no mesmo plenário onde caluniou o pontífice, que os casos de pedofilia no clero são uma minoria quando comparados com casos de pedofilia entre membros da própria família. Afirme, pois é verdade, que mais de 90% dos casos de abusos sexuais envolvendo padres católicos, envolviam padres católicos homossexuais. Sim, nobre deputado, faltou essa parcela da informação. Os mesmos homossexuais que Vossa Excelência diz representar são responsáveis por 90% dos abusos (entre os clérigos que abusaram de crianças).
Vossa excelência, que pertence a um partido de esquerda, deveria ser coerente historicamente. Nenhum outro regime matou mais homossexuais que o regime vermelho que o senhor apóia! Rússia, China e Cuba - a de Castro e Che - mandaram tantos gays para o "paredon" que isso sim poderia ser classificado como genocídio.
O Papa apenas afirmou o que a ciência já constatou: dois machos ou duas fêmeas são incapazes de produzir vida. Discorda, excelência? Por favor, usemos de argumentos científicos e não aqueles baseados na fé - porque acreditar que dois homens/duas mulheres podem produzir vida é crer no impossível!
Mas creio que esse tipo de reação, enraivecida e irracional, é típica dos membros do socio-comunismo. Ainda sim, nobre e ilustríssimo deputado, não seja arauto de uma cultura de ódio. O senhor é melhor do que isso!

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

O melhor amigo da noiva


Músia tema do filme : O melhor amigo da noiva


Outro filme
Everything - orgulho e preconceito


Switchfoot - This is your life


Snow patrol - you could be happy ( seriado smallville)

Loise e clark


sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Primeira dama Nejmia Aziz no Vai ou Racha

Acampamento Vai! Ou Racha: Juventude católica em missão

Nossaaaaaaaa, olha o que achei no site da Nejmia Azis, a primeira dama do Estado. =)

http://nejmiaziz.com.br/2011/08/27/acampamento-vai-ou-racha-%E2%80%93-juventude-catolica-em-missao/

Hoje, o dia iniciou bastante abençoado. Participei do XIV Acampamento Jovem Vai! Ou Racha, promovido pela Renovação Carismática Católica. O encontro reuniu mais de mil jovens que durante três dias desenvolvem atividades de inclusão social através do teatro, música e dança para combater a vulnerabilidade juvenil.

O evento encerra amanhã, reunindo jovens de Manaus, do interior do Amazonas e outros estados da região Norte. Que além de muitas orações tratam da importância de Deus em nossas vidas, com uma formação espiritual, humana e cristã. Testemunhos de superação, cidadania e solidariedade.

Foi uma oportunidade de compartilhar minhas experiências de solidariedade ao abraçar importantes campanhas sociais e convidá-los a participar destas ações. Falei com o coração pra despertar o sentimento de voluntariado nestes jovens reunidos pela fé.

Aprendi que Vai! Ou Racha significa desbravar, ir para Deus, enquanto “RACHA” representa longe de Deus. Duas opções, dois caminhos que temos a liberdade de escolher. Mas os jovens ali: todos são “Vai!”.

Que Deus abençoe cada um destes jovens comprometidos viver em Cristo. Que suas experiências de solidariedade e paz sejam exemplos para outros jovens!

“Eu sempre falo quem tem Deus no coração tem as maiores riquezas do mundo e eu fiquei feliz em chegar aqui hoje e encontrar muitos jovens e eles estarem interagindo, de corpo e alma. E eu fico feliz, porque a igreja católica está sempre fazendo esse tipo de encontro e é importante estar com Deus, ajudar o próximo, destacar a importância da família. E assim a gente vai contribuir para uma sociedade bem melhor”. Nejmi Aziz

“Eu venho aqui há 5 anos e para mim isso é um reavivamento da igreja e nós temos vivido essa renovação da fé. Nós devemos fazer alguma coisa para a juventude. Hoje nós vemos muitas delegações do interior e isso mostra todo esse envolvimento do jovem com o nosso Cristo”. Frei Regis Silva – frade capuchinho

A décima quarta edição não foi muito diferente das outras porque é um desafio para nós. E este acampamento traz uma proposta de um estilo de vida novo para a juventude baseado na palavra de Deus. Nós estamos completando estes 38 anos de existência e completando 14 anos de versões diferentes do “Vai! Ou Racha”. Irlanda Bindá – presidente do conselho estadual da Renovação Carismática Católica

“Nossa associação é a base financeira com a arrecadação de 200 sócios do movimento Renovação Carismática, que é o marketing de evangelização de todas as idades. Eu me apaixonei por este evento porque é muito especial o momento de espiritualidade e que reúne tanta gente em torno da palavra de Deus”. Ney Gomes – Vice-presidente da Associação Maria Mãe da Igreja

“Esse acampamento jovem chamado “Vai! Ou Racha” é o principal evento da juventude carismática do estado do Amazonas. Chegamos ao 14º evento com mais de 1000 jovens. Com apoio dos amigos de Jesus. É o primeiro anúncio de Deus e aqui há um direcionamento muito grande para essa juventude que está ociosa e distante de Deus. Contamos com uma programação muito rica da palavra de Deus”. Glayff Araújo – coordenador de Eventos do Ministério Jovem no Amazonas

“O objetivo da juventude é cada vez mais fluir a graça e o amor de Deus. O carinho que Jesus tem por cada um é como filhos nos braços do Pai”. Marcos Magalhães – formador diocesano

“Nós realizamos um evento chamado “Barzinho de Jesus” onde nós arrecadamos o dinheiro para o ingresso de 22 jovens que não tinham condições de pagar e agora estão aqui nesse acampamento e dessa experiência com Jesus. Essa experiência transforma a nossa vida e a realidade da juventude, é muito difícil, mas aqui há vida porque Jesus é vida”. Luís Neto – coordenador do Grupo de Jovens da Paróquia Santa Bárbara

“O mais importante é sentir a graça. Esse encontro com Deus e esse Jesus que é clamado aqui é a libertação de muitas coisas que acontecem. Conseguir trazer esses jovens para esse espaço religioso é maravilhoso. É uma graça de Deus. É uma libertação”. Francisco Brasil – coordenador do Grupo de Presidente Figueiredo

“Nosso objetivo é conhecer o verdadeiro Deus, a libertação e a cura que muitos jovens necessitam. Vale muito a pena. Estou no bicampeonato de participação e ano que vem estarei aqui fazendo a diferença”. Carol Figueiredo – universitária

“O acontecimento de Jesus nas nossas vidas é para a sociedade que a gente vive hoje. A minha primeira vez eu vim como iniciante e nas vezes seguidas eu vim servir para que mais jovens tenham esse encontro de espiritualização que eu tive. Esse é encontro verdadeiro com o Cristo e o amor para com o próximo e para com a família. Isso aqui leva o bem a toda a sociedade”. Ivanildo Oliveira – universitário

“Eu tenho 18 anos e vim de Benjamim Constant para este acampamento porque lá nós temos o Movimento Jovens Magníficat, e eu estou no movimento há 5 meses. Esse grupo já mudou minha vida. A primeira-dama falou comigo, me chamou aqui na frente e foi muito bom porque ela percebeu o Espírito Santo agindo nas pessoas”. Alana Barbosa – estudante

“Eu acho que isso aqui nos possibilita a gente se despojar na presença de Deus e buscar uma nova rotina de vida a partir do batismo do Espírito Santo. E eu quero promover um novo estilo de vida para o jovem possa optar até que o senhor Jesus volte e isso aqui é para a vida inteira”. Raline Monteiro de Abreu – pregadora e acadêmica de psicologia

“Eu sou seguidor da primeira dama Nejmi Aziz no Twitter e ela é uma pessoa muito generosa e gentil. Eu tweetei para ela convidando para o nosso acampamento jovem “Vai! Ou Racha” porque ela sempre faz visita para os jovens e para as entidades sociais. Pedi para que ela conhecesse o nosso movimento da juventude católica da Renovação Carismática e fiquei muito feliz da vinda dela”. Adam Lopes – enfermeiro

“Acho que a busca do Espírito Santo e o encontro com o senhor é muito importante. Ver 1000 jovens reunidos mostra que esse encontro verdadeiro com nosso pai renova toda essa juventude porque o mundo está muito perigoso”. Adriana Santos – estudante

“A busca de respostas é a coisa mais importante aqui, porque a fase de mais dúvidas do ser humano é a juventude. Aqui nós temos todas as respostas que a gente precisa. É um evento que já venho há 6 anos consecutivos, porque o que sentimos aqui é algo sobrenatural e isso vale a pena mesmo”. Silvia Adriele Pereira Lima – universitária

“A espiritualidade, a busca do algo a mais para a vida é muito importante, porque tudo é muito difícil para o jovem que vive sem o acompanhamento familiar. Isso é difícil, mas aqui Jesus toca o coração e dá sentido para a vida deles e se Deus quiser muitos jovens vão sair daqui cheios de Espirito Santo para ser exemplo para a família deles”. Caio Marcelo Lopes – universitário

No name
No name
No name
No name
No name
No name
No name
No name
No name
No name
No name

Próximos acampamentos /eventos

Em janeiro e fevereiro os acampamentos e retiros que sei que vão acontecer em Manaus são esses. =)



Acampamento Carna Cristo

de 17 a 21 de Fevereiro








INSCRIÇÕES PARA O III ACAMPAMENTO CONEXÃO JOVEM
... De Segunda a Sexta
LOCAL: Anexo da Igreja Nossa Senhora de L
ourdes
HORA: 17 as 19

Sábado
LOCAL: Cenosel (Centro Catequético da Paróquia N. Sra. de Lourdes)
OBS: Local onde ocorre o Ministério Jovem.
HORA: 17 as 20

Domingo
LOCAL: Anexo da Igreja Nossa Senhora de Lourdes
HORA: 15 as 19

Outras Informações:
Valor: R$ 50,00
Dias do Evento: 26 a 29 de Janeiro
OBS: Se for menor de idade levar responsável.
Ministério Jovem Nossa Senhora de Lourdes - Parque 10

********



CARNAVAL DIFERENTE 2012. ( Acampamento de Carnaval)

Data de Inscrições, 10 de Janeiro de 2012 ate o dia 31 - Valor R$ 40,00
Data de Inscrições, 01 de Fevereiro de 2012 ate o dia 10 - Valor R$ 50,00

Grupo de Oração Jovem Filhos do Trovão - Parque das Laranjeiras


************
Acampamento Desafiando - dos Jovens Seguidores de Cristo

24,25 e 26 de fevereiro Acampamento de carnaval (2012)

Info:93488544 e 99096878




Cura para o Amor

Retiro de Carnaval da Comunidade Shalom de Manaus

De 18/02/2012 a 21/02/2012

Informações: 92239083 ( Lurdes) / 81477535 (Bianca) / 32321776 ( Dira)

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

* Carta de um ex homossexual aos jovens. Imperdível!

Michael Glatze, americano, 35 anos, ex-diretor de uma importante revista LGBT dos E.U.A. e ex-homossexual, para a juventude:

A homossexualidade me veio fácil, pois eu já era fraco.

Minha mãe morreu quando eu tinha 19 anos. Meu pai morreu quando eu tinha 13. Bem novo, eu já estava confuso sobre quem eu era e como eu me sentia acerca dos outros.

Minha confusão sobre “desejo” e o fato de que eu percebia que me sentia “atraído” aos rapazes fez com que eu me colocasse na categoria “gay” com a idade de 14. Com 20 anos, saí do armário diante de todos ao redor de mim.

Com 22, me tornei editor da primeira revista dirigida ao público gay jovem. Seu conteúdo fotográfico era quase pornográfico, mas eu imaginava que eu poderia usá-la como plataforma para coisas maiores e melhores.

Em seguida, nasceu a revista Young Gay America(América Gay Jovem). Seu objetivo era preencher a lacuna que a outra revista (para a qual eu havia trabalhado) havia criado — isto é, qualquer coisa não tão pornográfica, dirigida à população de americanos gays jovens. A revista Young Gay America decolou.

Os gays reagiram com alegria à revistaYoung Gay America, que recebeu prêmios, reconhecimento, respeitabilidade e grandes honras, inclusive o Prêmio Nacional Papel Modelo da grande organização gay Equality Forum (Fórum da Igualdade) — que foi dado ao Primeiro Ministro do Canadá Jean Chrétien um ano depois — e muitas oportunidades para aparecer nos meios de comunicação, do canal da TV pública até a capa da revista Time.

Produzi, com a assistência da TV pública e do Fórum Igualdade, o primeiro filme documentário a lidar com a questão do suicídio entre adolescentes gays, “Jim In Bold”, que viajou o mundo e foi premiado em muitos festivais.

Young Gay America criou uma exposição de fotos e estórias de jovens gays da América do Norte, que foi levada em viagem pela Europa, Canadá e partes dos Estados Unidos.

Young Gay America lançou a Revista YGA em 2004, para fingir ser um complemento puro para as revistas de bancas dirigidas aos jovens gays. Eu digo “fingir” porque a verdade era, YGA era tão prejudicial como todas as outras revistas do tipo no mercado, mas era mais “respeitada”, porque não era explicitamente pornográfica.

Levou quase 16 anos para eu descobrir que o homossexualismo em si não é exatamente uma “virtude”. Era difícil eu explicar meus sentimentos acerca da questão, considerando que minha vida estava muito envolvida no homossexualismo.

O homossexualismo, apresentado às mentes jovens, é por sua própria natureza pornográfico. Destrói mentes facilmente influenciáveis e confunde sua sexualidade em desenvolvimento, porém só vim a reconhecer isso quando eu tinha 30 anos.

A Revista YGA esgotou a venda da sua primeira edição em várias cidades da América do Norte. Havia apoio extremo, de todos os lado, para a Revista YGA; escolas, grupos de pais, bibliotecas, associações governamentais, todo o mundo parecia querer a revista. Atingiu em cheio a tendência de “aceitar e promover” o homossexualismo, e eu era considerado líder. Fui convidado para dar palestra no prestigioso Fórum JFK Jr. na Faculdade Kennedy de Governo da Universidade de Harvard em 2005.

Foi depois de ver minhas palavras numa fita de vídeo dessa atuação que comecei a ter dúvidas sérias quanto ao que eu estava fazendo com minha vida e influência.

Não conhecendo ninguém de quem eu poderia me aproximar com meus questionamentos e dúvidas, voltei-me para Deus. Desenvolvi um relacionamento crescente com Deus, graças a uma crise debilitante de dores intestinais provocadas pelas condutas em que eu estava envolvido.

Logo, comecei a entender coisas que eu jamais tinha sabido que poderiam ser reais, tais como ofato de que eu estava liderando um movimento de pecado e perversão, e minha descoberta não foi baseada em dogmas religiosos.

Cheguei a essa conclusão por mim mesmo.

Ficou claro para mim, enquanto eu pensava sobre isso — e realmente orava sobre isso — que o homossexualismo nos impede de achar nossa verdadeira personalidade. Quando estamos na cegueira do homossexualismo, não conseguimos ver a verdade.

http://blogs.sfweekly.com/thesnitch/michaelglatze.jpg

Michael Glatze, à esquerda

Cremos, sob a influência do homossexualismo, que a cobiça sexual não só é admissível, mas também que é uma virtude. Contudo, não existe nem um só desejo homossexual que seja desligado dessa cobiça sexual.

A fim de negar esse fato, eu havia lutado para apagar tal verdade custasse o que custasse. Eu me atirava às tentações da cobiça sexual e outras condutas usando as muitas desculpas populares que alegam que não somos responsáveis pelo que fazemos, mas somos vítimas de situações, ou nascemos assim, etc. Eu tinha plena convicção — graças ao clima social e aos líderes mundiais — de que eu estava fazendo a coisa certa.

Movido a buscar a verdade, pelo fato de que nada me fazia sentir bem, busquei dentro de mim mesmo.

O que eu descobri — o que aprendi — sobre o homossexualismo é estupendo. Minha “descoberta” inicial dos desejos homossexuais ocorreu no colégio, quando reparei que eu olhava para os outros rapazes. Minha cura ocorreu quando ficou decididamente claro que eu deveria — a fim de não arriscar prejudicar mais pessoas — prestar atenção a mim mesmo.

Toda vez que sentia a tentação de cobiçar outros homens, eu pegava a tentação e lidava com ela. Eu a chamava pelo seu nome, e então simplesmente a deixava sumir por si mesma. Existe uma diferença imensa e vital entre admiração artificial — de nós mesmos ou de outros — e admiração total. Ao nos amar completamente, não mais precisamos de nada do mundo “de fora” com seus desejos e cobiças sexuais, reconhecimento dos outros ou satisfação física. Nossos impulsos se tornam intrínsecos à nossa própria essência, sem os impedimentos provocados por nossas distrações obsessivas.

O homossexualismo permite que evitemos nos aprofundar em nós mesmos. Ficamos na superficialidade e atrações inspiradas por cobiças sexuais — pelo menos, enquanto a lei “aceita” o homossexualismo. Como conseqüência, um número grande de homossexuais não consegue achar sua personalidade mais real, sua personalidade em Cristo que é presente de Deus.

O homossexualismo, para mim, começou aos 13 anos e terminou logo que eu me isolei das influências externas e me concentrei intensamente na verdade interna — quando eu descobri, com a idade de 30, as profundezas da personalidade que Deus me deu.

Muitos que se encontram aprisionados ao homossexualismo ou a outras condutas lascivas vêem Deus como inimigo, pois Ele os faz lembrar quem e o que eles foram realmente criados para ser. Gente apanhada no ato de seu pecado preferiria permanecer numa “ignorância feliz” e silenciar a verdade e os que a falam, por meio de antagonismo, condenação e aplicando-lhes termos como “racista”, “insensível”, “perverso” e “discriminador”.

Não é fácil se curar das feridas que a homossexualidade provoca — obviamente, há pouco apoio para quem busca ajuda. O pouco de apoio que existe é debochado, ridicularizado e silenciado pela retórica ou criminalizado pela deturpação das leis. A fim de achar apoio, tive de investigar meu próprio estado de vergonha e as vozes “condenadoras” de todos os que eu havia conhecido. Parte da agenda homossexual é fazer com que as pessoas achem que nem vale a pena pensar em conversão — e muito menos pensar que a conversão funciona.

Em minha experiência, “sair do armário” da influência da mentalidade homossexual foi a coisa mais libertadora, bela e estupenda que já experimentei na minha vida inteira.

A cobiça sexual nos tira de nosso corpo, “ligando” nossa mente à forma física de outra pessoa. É por isso que jamais dá para se satisfazer o sexo homossexual — e todas as outras relações sexuais com base na cobiça sexual: É uma rotina de obsessão, não tendo nada de natural e normal. Normal é normal — e se chama normal por uma boa razão.

Anormal significa “aquilo que nos machuca, machuca o que é normal”. A homossexualidade nos tira de nosso estado normal, de nosso estado de união perfeita em todas as coisas, e nos divide, fazendo com que fiquemos eternamente obcecados por um objeto físico externo que jamais conseguimos possuir. Os indivíduos homossexuais — como todas as pessoas — anseiam o verdadeiro amor imaginário, que realmente não existe. O problema com o homossexualismo é que o verdadeiro amor só chega quando não há nada nos impedindo de deixá-lo brilhar do nosso interior. Não conseguimos ser nós mesmos quando nossas mentes estão presas num ciclo de mentalidade grupal de cobiça sexual sancionada, protegida e celebrada.

Deus me visitou quando eu estava confuso e perdido, sozinho, com medo e angustiado. Ele me disse — por meio da oração — que eu não tinha absolutamente nada a temer, e que eu estava “em casa”; tudo o que eu precisava era fazer uma limpeza geral em minha mente.

Creio que todas as pessoas, intrinsecamente, conhecem a verdade. Creio que é por isso que o Cristianismo deixa as pessoas tão assustadas — por fazê-las lembrar de sua consciência, que todos possuímos.

A consciência nos ajuda a fazer uma diferença entre certo e errado e é uma orientadora por meio da qual podemos crescer e nos tornar seres humanos mais fortes e livres. Ser curado do pecado e da ignorância é sempre possível, mas a primeira coisa que alguém deve fazer é sair das mentalidades que dividem e conquistam nossa essência humana.

Dá para se achar a verdade sexual, contanto que estejamos dispostos e motivados a aceitar que a sociedade em que vivemos permite condutas que prejudicam a vida. Não se deve deixar que o sentimento de culpa seja desculpa para evitar as perguntas difíceis.

O homossexualismo roubou quase 16 anos da minha vida e os comprometeu com uma mentira ou outra, perpetuada por meio dos meios de comunicação nacionais dirigidos às crianças. Nos países europeus, o homossexualismo é considerado tão normal que as crianças do primeiro grau estão recebendo livros sobre crianças “gays” como leitura obrigatória nas escolas públicas.

A Polônia, um país que conhece muito bem a experiência da destruição de seu próprio povo por forças externas, está corajosamente tentando impedir a União Européia de doutrinar suas crianças com a propaganda homossexual. Em resposta, a União Européia chamou o primeiro ministro da Polônia de “repugnante”.

Por muito tempo, eu era repugnante. Eu ainda lido com toda a culpa que sinto por esse estilo de vida.

Como um dos líderes do movimento homossexual nos Estados Unidos, tive a oportunidade de me dirigir ao público muitas vezes. Se eu pudesse desfazer algumas das coisas que eu disse, eu desfaria.

Agora sei que a homossexualidade tem tudo a ver com a cobiça sexual e a pornografia. É um pacote completo. Por isso, jamais deixarei que alguém tente me convencer do contrário, não importa que suas estórias sejam doces ou tristes. Tenho experiência própria. Conheço a verdade.

Deus nos deu a verdade por um motivo. A verdade existe para que possamos ser nós mesmos. Existe para que possamos ter parte na nossa própria personalidade individual no mundo, para aperfeiçoar o mundo. Isso não é trama irreal ou ideal estranho — isso é a Verdade.

A nossa cura dos pecados do mundo não acontecerá num instante. Mas acontecerá — se não deixarmos que o orgulho a bloqueie. E, caso você não saiba, no final quem vence é Deus.

Postado em: http://carloslopesshalom.wordpress.com/

Músicas para casamento

Oie, tá procurando músicas para a cerimônia do seu casamento?????

Eu posso ajudar. Como algumas pessoas acabam não indo muito à igreja, acabam não conhecendo as músicas que nós católicos temos e digo que temos músicas belíssimas. Quem sabe esse post possa ajudar alguém na composiçãod e sua cerimônia , mas mais que isso, quem sabe esse post leve alguém a ter um momento de encontro com DEus e lembre um pouco que precisa estar mais na presença dele. Ás vezes a preparaçãod e um casamento é o momento que DEus sempre esperou para falar com você. Espero que sua procura por DEus não seja só nesse momento , mas que perdure por todos os dias da sua vida. Há sempre uma igreja, missa, grupo de oração, grupo de casais de portas abertas esperando você. =)

Algumas desses louvores indiquei para o casamento da minha prima Rosinha e para o casamento do minha prima Geórgia.

Aí vão minhas dicas...

Ah, aqui vc encontra músicas evangélicas para casamento --> http://diariodelucylopes.blogspot.com/2011/05/muito-tempo-atras-comprei-um-um-cd-que.html


Bom, depois que entram os padrinhos, daminhas e noiva, minha prima pediu uma música de entrada, então minha dica foi essa:

Entrada - Vamos celebrar - Ministério amor e adoração ( comunidade canção nova)



Ato penitencial - Kyrie Eleison - Missionário shalom ( comunidade shalom)



Se alguém quiser um de Glória

Glória a DEus nas alturas - Ministério Amor e Adoração ( Comunidade Canção nova ) http://cancaonova.com


Ah, para a entrada dos padrinhos tenho 2 sugestões. São lindas as 2 músicas =)

Amigos pela fé - Anjos de Resgate



Mais que amigos - Anjos de Resgate




Benção das alianças ( Lindíssima esta música)

Cada dia - Davidson Silva ( Comunidade Shalom)



Música - Letra e cifra

Cada Dia

Davidson Silva

 Davidson Silva Compositor: Letra: Emmir Nogueira
Tom: F
 
(intro 2x) C   G/B   Am   D7(9)      G/B

 C          G/B      C           G/B
Recebe essa aliança, sinal do meu amor.
 C              D                 G    Em
Sinal do amor de Deus que nos escolheu
    C               D    G/B          (G)
E nos entregou um ao outro     (2x)

 G   D/F#    Em
Recebe essa aliança
Am            G/B
Sinal de Deus conosco
 C            D
Sinal de que será pra sempre
 G   D/F#   Em
Recebe essa aliança
Am            G/B
Sinal de Deus conosco
 C              D                 (Em   C    G/B    D)(2X)
Sinal de que estará pra sempre entre nós.

( F  G ) (3x)

( E4   E )

 A          E/G#      A         E/G#
Recebe essa aliança, sinal do meu amor.
 A              B                 E   C#m
Sinal do amor de Deus que nos escolheu
     A             B          (E)
E nos entregou um ao outro (2X)

 E   B/D#   C#m
Recebe essa aliança
F#m           E/G#
Sinal de Deus conosco
 A            B
Sinal de que será pra sempre
 E   B/D#   C#m
Recebe essa aliança
F#m           E/G#
Sinal de Deus conosco
 A             B                    C
Sinal de que estará pra sempre entre nós.

 F    C/E   Dm
Recebe essa aliança
Gm            F/A
Sinal de Deus conosco
Bb            C
Sinal de que será pra sempre
F     C/E    Dm
Recebe essa aliança
Gm            F/A
Sinal de Deus conosco
Bb             C                    F
Sinal de que estará pra sempre entre nós.

Comunhão e Ação de Graças

Rumo ao altar - Toca de Assis



http://www.cifraclub.com.br/toca-de-assis/rumo-ao-altar/

Rumo Ao Altar

Toca de Assis

 Toca de Assis
Tom: A
 
(intro) F#m  F#m/E  D7+  A/C#  Bm  Bm/A  E/G#

A             E/A
Quando entro nesta procissão,
    D/A              A5+/4
Não consigo explicar, entrego o meu coração.
    A9
Que somente quer te amar,
E/G#   F#m    B7/13       B   Bm7
Como a noiva que    cami........nha  rumo ao altar
 Bm7/-5  E          A        D/F#      E/G#
E o noivo  a  te esperar.

A             E/A
Quando entro nesta procissão,
    D/A              Dm7          G
Não consigo explicar, entrego o meu coração.
     A9
Que somente quer te amar,
E/G#   F#m     B7/13      B   Bm7
Como a noiva que    cami........nha  rumo ao altar
  Dm6    E          A
E o noivo  a  te esperar. (2x)

( Em    A/C# )

  D  E/D  D               Bm           E
Jesus           Teu Corpo e Sangue me sustenta
E/D  C#m                C#m
Je   sus toda minh'alma se estremece.
 D A/C#      Bm                   A/C#    D    E/D      D   E/D
Jesus és a  razão da minha vida,     és o amor,   o     amor   o
A/C#  D       Bm            E
Je   sus Teu Corpo e Sangue me sustenta
E/D  C#m                      C#m
Je   sus toda minh'alma se estremece.
 D A/C#    Bm
Jesus és a razão da minha vida,
A/C#   D     Bm            E
O  motivo maior do meu viver.

Quando entro....

 E4   E    D/F#   E/G#
Viver...

           A9              A
Não, não há momento igual a este.
      G#m          C#   C#/F
Não, não há lugar melhor.
    F#m        F#m/E    A/C#    D           A/C#
Não há nada que se possa   compa  rar a esse amor,
     Bm      E  E/B  E
Que me faz feliz.

      A9         D/A    E/A       A9
Somos a noiva que caminha rumo ao altar
  G9         D/F#   E         A9
E o noivo bem aqui    a nos esperar.
C
Música para o fim da celabração ou para o momento em que os padrinhos estão assinando e tirando foto - que bem sabemos é um momento demorado e nada melhor que ouvir algumas músicas nesse momento

Tua Família - Anjo de Resgate



Primeiro olhar - Anjos de Resgate



Essa música tb é para o momento em que os padrinhos estão assinando e tirando fotos. É um presente para o casal nunca esquecer de recorrer a DEus em todos os momentos , é um momento de consagração também do casal a DEus e, ainda, um presente para os casais amigos que estiverem no casamento para que eles também possam consagrar seus casamentos a DEus. É uma renovação de aliança , penso eu. =)

Oração da família - Banda Giom ( essa é evangélica ) =)




Alguns cds católicos --> http://diariodelucylopes.blogspot.com/2011/04/alguns-cds.html

Outras músicas para casais católicos - músicas católicas

Eliana Ribeiro - Você e eu ( Comunidade Canção Nova)

Meus cupcakes






Cupcake --> Lest's talk in english!!! Happy vacation!




Cupcake com pasta americana =)






Cupcakes de coco e de chocolate =)






Recheio de coco =)











Cupcakes de longe - na Feijoada Fazer o bem , faz bem =)



Cupcake de chocolate - parecia um brownie



Cupcakes do Flamengo e do fluminense =)







Cupcakes de chocolate e cobertura de ganache ( molezinha ) .




Torta de bacalhau feita por mimmmmm =)
Tá a mamy cuidou do bacalhau por mim, pois eu não sei tirar o sal dele e tudo mais rsrsrs =)



Já disse que gosto de cozinhar??? =)